domingo, 12 de julho de 2009


Inaugurando um caderno de desenho e a participação no blog. Depois de uns 06 meses sem pegar em grafites, nasceu um palhaço. Bizarro, como todo palhaço. Meia sola também, um ensaio para voltar aos riscos.

4 comentários:

Italo Rocha disse...

Detesto palhaços, argh!

Marcelo Zuza disse...

massa! bom sombreamento.

Dimitri Kawada disse...

Boa, Mayara. De volta as lapiseiras. Isso é ótimo.

Palhaços são muito macabros e fazem parte de fantasias e pesadelos de muita gente.

Abraços.

Marcelo Zuza disse...

ma eesse gledson só que ser...
vai desenhar palçhaço